Daniel Duende é escritor, brasiliense, e tradutor (talvez nesta ordem). Sofre de um grave vício em video-games do qual nunca quis se tratar, mas nas horas vagas de sobriedade tenta descobrir o que é ser um blogueiro. Outras de suas paixões são os jogos de interpretação e sua desorganizada coleção de quadrinhos. Vez por outra tira também umas fotografias, mas nunca gosta muito do resultado.

Duende é atualmente o Coordenador do Global Voices em Português, site responsável pela tradução do conteúdo do observatório blogosférico Global Voices Online, e vez por outra colabora com o Overmundo. Mantém atualmente dois blogues, o Novo Alriada Express e O Caderno do Cluracão, e alterna-se em gostar ora mais de um, ora mais de outro, mas ambos são filhos queridos. Tem também uma conta no flickr, um fotolog e uma gata branca que acredita que ele também seja um gato.

sábado, 9 de junho de 2007

O tio Tech(norati) me contou...

...que tem gente nova me linkando. Como a blogosfera é feita de um monte de pessoas unidas por blogues e conversas, não custa nada e é de bom tom agradecer. Então aí vai meu agradecimento aos meus novos (e alguns velhos) linkadores:

Cíntia Corales
, "socióloga e blogueira nas horas vagas" me linkou em seu blogue Brincando no Parquinho.

A Danúsia, mulher moderna, antenada e chegada em um hype, fã do x-plastic e da marimoon, me linkou em seu vitaminado blogue hipermoderna.net.

A (Fer)Nanda Barreto, que já foi transitiva e direta e agora é nem tão transitiva e direta assim, contina me linkando. :)

Last but not least, os manos véios Bicarato (o Paulo que é copoanheiro e o outro com quem ainda não dividi nem uma cerveja) continuam lendo e linkando o Alriada Express.

Um grande abraço pra vocês todos, e valeu pelo prestígio :D


p.s. e o Paulo Bicarato não ajeitou o link pro Alriada Express até hoje (e ao se clicar no blogue dele em busca do meu, vc é direcionado a um inexistente "alariadaexpress"), mas eu amo meu copoanheiro patropí mesmo assim. :D

2 comentários:

Danusia R. disse...

fã da marimoon doeu na alma, hem... vou pagar meus pecados por essa entrevista! é isso que dá dar uma de vendida! =P

Daniel Duende disse...

Hahahahahahahaha... pois é. :)
Temos que tomar muuuuito cuidado com as coisas que falamos em nossos blogues.

"nada temos a temer
além das palavras..."
escrevia Rubem Fonseca em seu "O Caso Morel".

Abraços do Verde.